sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Critérios de Avaliação




A palavra progresso não terá qualquer sentido enquanto houver crianças infelizes. (Albert Einstein)
 - Critério? "Aquilo que serve de base para comparação, julgamento ou apreciação. Princípio que permite distinguir o erro da verdade. Discernimento, circunspecção, prudência. Modo de apreciar coisas e/ou pessoas."

 - Critério aqui é entendido como base, estrutura de toda avaliação, e discernimento que clareia ações e intenções dos educadores. Discernir é ter uma visão ampliada, não julgar, é interpretar mais que resultados, mas, antes, entender o processo de construção no qual se envolveu o educando.

 - Os critérios contribuem para orientar a "leitura" dos aspectos a serem avaliados.

 - Explicitam as expectativas de aprendizagem dos educandos.

 - Devem refletir os diferentes tipos de competências e as três dimensões de conteúdo.

 - Considerar os objetivos e conteúdos para a área do conhecimento e para a turma, organizar a lógica interna dos conteúdos, das particularidades de cada momento de escolaridade, das possibilidades de aprendizagem decorrentes de cada etapa de desenvolvimento.

 - Os diferentes componentes curriculares, ao estabelecerem o que é essencial e prioritário em termos de competência a serem construídas a partir de habilidades desenvolvidas, deverão atrelar critérios comuns de instrumentos de avaliação.

 - É preciso voz única em relação aos critérios construídos em conjunto. Trabalhos, painéis, cartazes, apresentações e resumos que compõem o fazer do educando não deverão ter critérios destoantes, antagônicos e extremistas. Se um educador não atenta para a apresentação e outro avalia primeiro esse item, eles podem transformar o educando em um atendente de vontades. É, sem dúvida, uma maneira muito eficaz de torná-lo mero reprodutor. A equipe deve estabelecer os critérios em conjunto, de forma harmônica, tendo em vista a visão do homem.

9º - Os critérios ligados à construção de um TCC, monografia que estabelece com clareza seus princípios, devem compor o cotidiano das nossas escolas. Seria dessa forma, a criação de uma identidade de construção que atenda às exigências do mercado.

10º - Critérios claros promovem o fortalecimento da identidade da escola, do educando, e aproxima as famílias dos objetivos institucionais.
Fonte: Avaliação nossa de cada dia - Editora Rideel
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário